EXCELENCIA EM DIAGNÓSTICO DIGITAL

A maior e mais completa clinica de Diagnóstico Digital
Pioneira em nível nacional em ultra-sonografia 4D (3D em tempo real)
Ultrassonografa 4D, de 25 quadros por segundo, como o olho humano vê...

Indica Ler:

Função tireoidiana materna nas semanas 11-13 da gestação.


To establish normal ranges of maternal serum thyroid-stimulating hormone (TSH), free thyroxine (FT4) and free triiodothyronine (FT3) at 11-13 weeks of gestation.
Maternal serum concentrations of FT3, FT4, TSH, anti-thyroperoxidase (anti-TPO) and anti-thyroglobulin (anti-Tg) antibodies were measured at 11-13 weeks.Normal ranges were constructed from the data of singleton pregnancies with no anti-thyroid antibodies resulting in live births after 34 weeks of phenotypically normal neonates with birth weight above the 5th percentile.Adjustments were made for maternal characteristics found by multiple regression analysis to affect the levels of TSH, FT3 and FT4
3,592 of the 4,318 pregnancies examined were antibody negative, and in this group serum TSH increased whereas FT3 and FT4 decreased with gestation, and all three were lower in black than in white women.Serum FT3 and FT4 decreased but TSH did not change significantly with maternal age; TSH and FT3 increased whereas FT4 decreased with body mass index; TSH decreased whereas FT3 and FT4 increased with serum free beta-hCG.In the antibody-positive group, compared to the negative group, median TSH was higher and median FT3 and FT4 were lower.
The study established normal ranges for maternal thyroid function at 11-13 weeks.

Para estabelecer intervalos normais de maternal hormônio estimulante da tireóide soro (TSH), tiroxina livre (FT4) e triiodotironina livre (T3 livre) em 11-13 semanas de gestação.
Maternos concentrações séricas de FT4 FT3, TSH, anti-tireoperoxidase (anti-TPO) e anti-tireoglobulina (anti-Tg) os anticorpos foram medidos em 11-13 semanas. Valores normais foram construídos a partir dos dados de gestações únicas sem anticorpos anti-tireóide, resultando em nascimentos após 34 semanas de recém-nascidos fenotipicamente normais, com peso de nascimento acima do percentil 5. Foram feitos ajustes para características maternas encontradas na análise de regressão múltipla para afetar os níveis de TSH, T3 livre e T4 livre.
3.592 das gravidezes 4,318 examinadas estavam anticorpo negativo, e neste grupo soro TSH aumentaram, enquanto FT3 e FT4 diminuiu com gestação, e todos os três foram mais baixos nos negros do que em mulheres brancas. Soro FT3 e FT4 diminuiu, mas o TSH não se alteraram significativamente com a idade materna; TSH e T4 livre FT3 aumentaram, enquanto diminuiu com índice de massa corporal; TSH diminuído, enquanto que FT3 e FT4 aumentou com soro livre beta-hCG. No grupo de anticorpo-positivo, em comparação com o grupo negativo, TSH mediana foi FT3 superior e mediana e FT4 foram mais baixos.
O estudo estabeleceu padrões de normalidade para a função tireoidiana materna em 11-13 semanas.

URL original


http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/20413976

Fale Conosco

Para entrar com contato conosco acesse a home oficial clicando aqui ou lique para nossa central de atendimento no telefone
+55 (91) 4008-8500

Facebook Eduardo Boulhosa Nassar

Eduardo Boulhosa Nassar

É Diretor da Clínica Som Diagnósticos. Clínica especializada em diagnósticos por imagem, localizada em Belém do Pará. A Clínica Som Diagnósticos conta, entre outras coisas, com exames de MAPA, Router, Ultrassonografia 4d (3d em tempo real), exame de translucência Nucal, realização do OSCAR, densitometria óssea e muitos outros.

Sites Parceiros

Densitometria Óssea Doppler Ultrassonografia Translucência Nucal Síndrome de Down Mamografia